Miniabdominoplastia

A miniabdominoplastia aplica-se aos casos em que a sobra de pele se restringe à região abaixo do umbigo, permitindo a confecção de uma cicatriz de menor extensão e eliminando a necessidade de cicatriz no umbigo. Também pode ser necessário associar plicatura dos músculos retos abdominais e lipoaspiração, o que é avaliado no exame físico. Portanto não se trata apenas de uma escolha do paciente ou cirurgião pela técnica, mas sim de uma indicação precisa para cada caso.

Vou emagrecer com essa cirurgia?

Assim como a grande maioria das cirurgias plásticas, é necessário estar num peso adequado para sua altura, permitindo alcançar melhores resultados com menos risco. Ao retiramos pele e gordura, naturalmente haverá perda de peso, porém pouco significativa. A miniabdominoplastia não é uma cirurgia para emagrecimento, e sim para melhora do contorno corporal.

Como são as cicatrizes?

A cicatriz situa-se horizontalmente (deitada), assim como a cicatriz de um parto cesareano, mas estendendo-se para as laterais tanto quanto for necessário retirar pele, só que menor que a cicatriz de uma abdominoplastia convencional. As cicatrizes ficam escondidas pelas roupas íntimas.

Precisa mesmo de cicatriz ao redor do umbigo?

Não. Na miniabdominoplastia o umbigo não precisa mudar de posição de forma significativa, desta forma evitam-se cicatrizes ao seu redor.

Vou sentir muita dor após a cirurgia?

Analgésicos simples costumam controlar bem a dor no pós-operatório, desde que seja respeitado o repouso recomendado.

Preciso usar drenos?

Geralmente não, mas em alguns casos é necessário usar drenos, o que só é possível decidir durante a cirurgia.

Tenho que andar curvada após a cirurgia?

É necessária uma curvatura de apenas 15 graus para frente (não precisa curvar muito), com o objetivo de proteger a cicatriz e diminuir a possibilidade de alargamento desta. A curvatura deve diminuir gradativamente dentro de 2 semanas, quando a paciente já deve estar totalmente ereta.

Qual o tipo de anestesia?

A decisão é tomada pelo anestesista em conjunto com a paciente e equipe cirúrgica. Geralmente é possível operar com uma anestesia peridural e sedação.

Ainda poderei engravidar após a cirurgia?

recomendamos fazer uma miniabdominoplastia após não haver mais planos de gravidez, visto que haverá nova distensão de músculos e da pele, perdendo parte do resultado.